Tudo sobre pisos intertravados, os famosos pavers de concreto

10/03/2017

A JB Serviços tem uma equipe qualificada para este tipo de obra e, também, tem a venda com o melhor preço e qualidade. O material substitui o paralelepípedo e é muito utilizado em projetos de espaços públicos, como praças, calçadas, ciclovias, garagens entre outros.

São muitos os benefícios do revestimento: possui propriedades antiderrapantes, são ideais para cadeirantes e deficientes visuais, é sustentável, são redutores dos efeitos negativos da urbanização por suas características de infiltração da água, evitam a impermeabilização do solo e previnem grandes problemas nas cidades (como enchentes).


Como o próprio nome diz, os pisos intertravados se “travam” entre si, como um quebra-cabeça, sendo unidos por areia fina. A instalação é relativamente fácil e dispensa armadura. A mão de obra não precisa ser altamente especializada, mas é importante verificar outras obras que o profissional contratado tenha feito como referência. No mais, os pisos intertravados não deixam marcas e permitem o reaproveitamento das peças sem precisar de tempo de cura.

Confira o passo a passo:

1 - Instalação das contenções laterais, para os blocos não deslizarem;

2 - Nivelamento e compactação da base com brita graduada simples ou bica corrida, que são grãos de pedras;

3 - Nivelamento da areia de assentamento;

4 - Colocação das peças, alinhamento, cortes e ajustes;

5 - Ajustes, espalhamento e rejunte com areia;

6 - Compactação final;

7 - Limpeza.

Pronto! Seu piso está preparado para o tráfego e não precisará ser quebrado caso haja necessidade de obras de manutenção e infraestrutura, resultando em resíduos sólidos e insumos quase nulos na recomposição.

Veja Também